ceticismo, Educação, filosofia, Humano, sociedade

Haverá esperanças para os seres racionais deste mundo? Quando eu vejo o meio acadêmico, que deveria ser um templo da razão, da investigação e debate céticos e imparciais, tornando-se um antro de (não) pensamento anticientífico, politicagem, pós-modernismo e marxismo, onde há pouco espaço para divergência e tolerância, tão pouco abertura ao debate impessoal, eu temo pelo nosso futuro. Talvez estejamos condenados a voltar às cavernas.

Anúncios
Link

2 comentários sobre “O Projeto Iluminista

  1. Resumindo, isso tudo por conta da bolha social chama de Rede Social. Hoje você personaliza cada vez mais o que você quer ver assim não tendo confronto direto com ninguém. Infelizmente as universidades federais estão infestadas de esquerdopatas que defendem por algum ponto de vista estes conceitos, e não é nada para o bem comum que não seja o seu e não de seus formandos. Ora por posição intelectual na própria faculdade ou por algum cargo comissionado em alguma instituição federal. Utilizam-se de sua posição como formador de opinião para levar vários consigo, a maioria, e quem confronta acaba sendo extirpado na própria sala de aula.

    Curtir

  2. Fato. E infelizmente, não são só as federais, nem só as públicas: As instituições de ensino particulares, mesmo as de qualidade, já estão neste patamar. Cheias de gente “liberal” e “tolerante” que no fundo só toleram pessoas iguais à elas mesmas, e acham que educação é uma ferramenta para realizar revolução socialista. Espaço nulo para debate de pontos de vista divergente.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s